quinta-feira, 23 de junho de 2011

Sigmund Fred


  Não acho tão legal comentar sobre o vídeo, assim como não gosto de comentar sobre arte. Na verdade não é bem isso que não acho legal, o que não acho legal é creditar um comentário como se fosse a descrição a arte pelo autor. E mais, quando um autor credita sua arte ele acaba com uma parte do mistério da sua arte.
  O vídeo mostra as concequências de um comportamento competitivo, além de mostrar que tudo aquilo que fazemos tem concequências no futuro. Freud Flinstone, depois de sua premonição, apaga os desenhos a fim de não transmitir os ideais competitivos e salvar o mundo do progresso inconsequente do ser humano. Em suma foi isso que extraí do vídeo.
  Acho que a sociedade só chegou ao estado em que está, por que quem pensa dessa forma, quem tenta engolir o resto do mundo para saciar suas vontades, acaba conseguindo. O problema da competição é inevitável nesse ponto. A maioria das pessoas prefere ser passiva e esperar que a sociedade chegue ao seu limite (e está quase chegando) para resolver mudar de atitude, eu acredito que seja melhor começar a agir agora, tomar atitudes radicais para mudar a sociedade.
  Eu falo e falo, mas agir que é bom nada né?! Vou postar uma boa música para acalmar a multidão enraivecida:

Por: Lucas Borges V.

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Semana Chanpagnat (de trás para frente)

 Nos dias 10, 9 e 8 desse mês tivemos a Semana Champagnat que foi, em suma, uma gincana de provas esportivas, acadêmicas, aleatórias (Secar gelo? Secar gelo... é.) e socias (doar sangue, doar livros infantis...). Na média de todas as provas, subtraído as penalizações, a equipe verde saiu vitoriosa. Foram três dias que fizeram os alunos do colégio se divertirem, se integrarem com o colégio e cansarem.


 Não tenho muito a dizer sobre a equipe lilás, porque realmen fiquei alheio à equipe lilás. Essa foi a equipe que ficou em terceiro, a equipe era para ser roxa, mas tudo bem, até gosto de lilás. Para dizer a verdade gosto mais de violeta, e também gosto de geleia de jabuticaba que não é lilás, é roxa.
 

 Os Mercenários, ou equipe vermelha, ficaram surpreendentemente em segundo. Foi a equipe mais organizada, silenciosa e de classe da gincana. No último dia da gincana os Mercenários resolveram torcer e se unir mais um pouco, perderam muitas provas esportivas e aleatórias por falta de dedicação e motivação. No segundo dia da gincana ganharam muitas provas acadêmicas e dispunham de bons desnhistas para a prova de caricatura e para a prova de mangá do dia anterior. A maior parte dos "blogueiros" desse blog eram da equipe vermelha, com exeção do Naganuma que perdeu essa oportunidade.









 No início da gincana já ficou notável que a equipe preta seria a mais barulhenta e entusiasmada das equipes, pois contava com a banda marcial e com pessoas empolgadas. Antes da Semana Champagnat começar todos estavam ansiosos e empolgados, pois tudo já estava sendo organizado a mais de um mês.





 Aqui, um vídeo de um trecho memorável da Semana: